Audiência Pública debate Bilhete Único

0
34

A implantação do Bilhete Único no transporte público alternativo de Maracanaú, motivou a realização de uma Audiência Pública na Câmara Municipal. O vereador Raphael Pessoa (MDB) – autor da propositura – presidiu a sessão e fez um histórico do Bilhete Único implantado inicialmente na Capital, com a construção dos terminais rodoviários. Raphael lamentou que apesar do avanço tecnológico, o Governo do Estado deixou de fora também o metrô, equipamento também muito usado pela população.

O presidente da Cooperativa Estrela do Sertão – Coopstar, Fábio Ferreira, disse que os empresários recebem um  tratamento melhor por parte das autoridades estaduais. Ele informou que há dois anos aguarda a implantação do bilhete nas vans. “O transporte alternativo é uma realidade e muitos empresários querem acabar com ele”, desabafou Ferreira.

A assistente social Darliane Holanda, 40 anos, moradora do Conjunto Jereissati citou a necessidade de transporte principalmente por aquelas pessoas que vivem na periferia. Na opinião dela, os ônibus não atendem a demanda, daí a importância do transporte alternativo.

Vários vereadores se pronunciaram de forma favorável ao Bilhete Único. Um deles, o vereador Rafael Lacerda (PSD) defendeu o Bilhete Único Metropolitano também nas vans.